Psicólogo aprende a vender

01.10.2019 | Por: Psicologia Empreendedora

“Fiz uma loucura, pedi as contas do trabalho! SIM!”

Quando a gente fala sobre o nosso trabalho sempre parece que a gente está puxando sardinha pro nosso lado né?

Por isso mesmo que vou colocar aqui para vocês um depoimento  espontâneo que recebi do meu aluninho lindo!

Leia nem que seja pra curiar, porque além de tudo ele é lindo demais….

 

“Olá, meu nome é Alex Guimarães, tenho 29 anos, formado desde 2016, e me tornei um lutador confuso e perdido no anos seguintes à formatura, sem saber nada sobre como dar aqueles primeiros passos, sem se deixar desanimar pela profissão e suas dificuldades.

Entrando ano e saindo ano, tendo por semana, um ou dois pacientes, eu assistia lives, vídeos no youtube, conversava com profissionais, colegas que estudaram comigo, e tudo o que eu ouvia era: “É difícil mesmo, né?!”, “O início é complicado mesmo!”.

Com dezenas de vídeos assistidos e folhas de anotações, ainda assim não conseguia caminhar na área. Chegando ao ponto de ficar com apenas uma única paciente, que o valor recebido não arcava nem com a sublocação da sala que eu pegava.

A Psicologia, que eu sempre considerei minha total vocação, se tornou uma peça de segundo plano. Fui vender planos e aparelhos celulares, fui vender empréstimos consignados (onde trabalhei por dois meses sem receber, e não precisa nem dizer o quanto saí prejudicado com isso),e  depois fui vender consórcio para veículos. O salário me supriu, mas o trabalho era longo, chegava quase sempre tarde em casa, não tinha pique para estudar, assistir uma vídeo aula no youtube, ler qualquer parágrafo de um livro, nada! E sabe aquela única paciente que eu tinha? Eu sentia que não estava cuidando dela como deveria.

Comecei a me sentir sobrecarregado e totalmente decepcionado. Neste momento, me surgiu Patricia Grilli no meu feed. Comecei a me interessar pelas suas palavras e vídeos. E depois de pensar e confiar nas informações que eu estava recebendo, decidi me comprometer com um verdadeiro desafio: “É agora vou fazer acontecer!” Seguir com a profissão sempre foi sonho demais pra eu não considerar aquela oportunidade!

Fiz uma loucura, pedi as contas do trabalho! SIM! (Não aconselho a ninguém seguir esse mesmo, ok?!)

A partir dali eu me desafiei a seguir tudo aquilo que eu ouvia, anotar tudo o que fosse dito, e continuar a pesquisar de como poderia alinhar a aula do dia, com novos planos de ação, e pôr tudo em prática.

Formatei alguns pensamentos, acrescentei outros, e graças ao apoio da Patricia, eu consegui passar, de uma única paciente, com valor pequeno mensal, para 7 pacientes antes de acabar o curso, superando o valor da renda que eu tinha com o emprego anterior.

A Patricia, com toda sua didática e seu jeito original de ensinar, colocou meus dois pés na direção certa, e graças a ela, hoje me sinto realizado como jamais havia conseguido.

Pagar suas contas e ter a sua vida através da Psicologia, com certeza não é uma tarefa fácil, mas assim como eu consegui, eu acredito que você também consegue!”

Gente depois desse relato bafo, eu só posso querer te convidar no dia 02/10, AMANHÃ quarta-feira, às 21:00, vai rolar um webinário FODA e exclusivo sobre como vender de forma ética e ativa na psicologia.

Mas, para filtrar as pessoas interessadas, das não interessadas, você precisa reservar um dos lugares que ainda estão disponíveis.
http://vendaspsi.psicologiaempreendedora.com.br/webinarls1
Na boa, não perde mais tempo. Garante a sua vaga na aula.
Esse é só o começo da nossa jornada.

Patrícia Grilli

 

 

Psicologia Empreendedora

Tags